História

História

 

MOTA® Ceramic Solutions é há mais de 60 anos parceira do mundo cerâmico no fornecimento de matérias-primas.

 

1950 – Fundação da Adelino Duarte da Mota, S.A.

 

 

A Adelino Duarte da Mota, S.A. (ADM) é uma das primeiras empresas em Portugal a dedicar-se à extração e transformação de matérias-primas para a indústria cerâmica. Sediada em Meirinhas (Pombal), localidade situada na zona centro de Portugal, a ADM assumiu desde sempre a missão desempenhar um papel central no desenvolvimento e afirmação da indústria cerâmica portuguesa.

 

1967 – Fundação da Felmica, Minerais Industriais, S.A.

 

 

 

Com mais de quatro décadas de atividade, a Felmica, Minerais Industriais, S.A. é uma empresa fortemente vocacionada para a extração, detendo atualmente direitos de exploração sobre mais de vinte e cinco concessões mineiras de quartzo e feldspato.

A quantidade e diversidade das jazidas quartzo-feldspáticas e a grande versatilidade da unidade de transformação, sediada em Mangualde, permite a preparação de compostos feldspáticos com caraterísticas físico-químicas adequadas às condições industriais mais variadas e exigentes.

 

1987 – Fundação da MOTA Pastas Cerâmicas, S.A.

 

 

 

Remonta a 1987, nas Caldas da Rainha, o início de atividade da mais antiga unidade produtiva da MOTA – Pastas Cerâmicas, S.A. Pioneiros em Portugal na preparação e comercialização de pastas cerâmicas prontas para faiança, alargámos a nossa produção, ao longo dos últimos anos, às pastas para grés, sanitário, eletro-porcelana e porcelana fina.

Com sede em Vagos e uma capacidade de produção global anual superior a 90.000 toneladas, a MOTA – Pastas Cerâmicas utiliza, em todas as suas unidades produtivas, tecnologia de ponta e processos modernos de fabrico.

 

1998

A ADM constrói a primeira Unidade de Atomização do país especializada na produção de pastas cerâmicas atomizadas.

 

2003 – Fundação da MOTA Mineral, Minerais Industriais, S.A.

 

 

 

A MOTA Mineral, Minerais Industriais, S.A. é uma empresa vocacionada para a extração de argilas e caulinos. Constituiu-se em 2003 como resultado da fusão ocorrida entre as empresas Vialpo– Soc. Expl. Mineiras, Comercio e Industria, S.A, Somical—Soc. Mineira de Caulinos, Lda e Alvarães Extracção de Inertes, Lda.

A MOTA Mineral tem a sua sede na unidade de Alvarães e possui mais dois centros de produção, a unidade de S. Vicente Pereira, situada em Ovar, e a unidade do Oeste, situada em Óbidos.

 

2007 – Fundação da MOTA Soluções Cerâmicas, S.A.

 

 

 

Construída em 2000 e localizada em Oiã, a fábrica que dá corpo à empresa MOTA Soluções Cerâmicas, S.A., também designada como MOTA II, foi adquirida em 2007, juntando-se ao universo MOTA® Ceramic Solutions.

Esta unidade de produção, dotada de alta tecnologia e elevado nível de automação, permite a produção de pasta atomizada para grés fino, porcelana dura e mole, pastas de porcelana técnica e argilas especiais tratadas para os mercados da louça sanitária e de engobes, acompanhando as novas tecnologias de produção de cerâmica, como o enchimento de alta pressão e a prensagem isostática.

 

2014 – Fundação da Motalog, S.A.

 

 

 

A Motalog, S.A. foi constituída com o objectivo de gerir a frota de pesados da MOTA® Ceramic Solutions.

A funcionar a partir das instalações da ADM, a Motalog é responsável pela logística rodoviária de todo o grupo, coordenando diariamente os mais de 60 veículos que compõem a nossa frota, seja na troca de matérias-primas intra-grupo, na entrega directa a clientes ou no transporte para portos marítimos de cargas destinadas ao exterior.